17 abril 2012

4º fotolivro day.


Em sua 4 edição o Fotolivro Day, aconteceu dia 16 de abril no Centro de Convenções no Teatro Frei Caneca em São Paulo,  um dia antes do congresso fotografar 2012. 


 O evento contou com a presença de aprox. 600 pessoas, nosso amigo Sebá Neto esteve presente no evento e compartilha conosco:

Evento realizado pela Digipix, empresa pioneira em impressão de fotolivros no Brasil. Lá podemos ver os lançamentos de fotolivros da Digipix, além de conferir tendências e novidades desse mercado que vem a cada dia aliando o que há de mais moderno em se tratando de tecnologia de como trabalhar a fotografia, tomar um delicioso café e aumentar a rede de contatos com profissionais da área que trabalha com fotografia.


Logo cedo Marco Perlman, representando a Digipix abre o evento dando boas vindas a todos, e em uma palestra atípica do evento um representante internacional, Alon Bar-Shany, VP e General Manager da HP - Divisão Indigo, falou sobre a tecnologia de impressão digital e sua evolução. A HP investe bastante em novas tecnologias e a Digipix também; mostrou o trabalho da empresa e sua evolução no ultimo século, e no começo deste com suas impressoras. Fala sobre tendências fora do país e a colaboração deles nos bastidores junto a Digipix. Ele destacou a grande oportunidade de crescimento na América Latina, principalmente, em relação à criação de diferentes produtos (Fotolivros e fotopresentes) . Uma oportunidade para todos os fotógrafos.


Em seguida a Claudia Neufeld, brevemente apresentou pra plateia os lançamentos da Digipix. E tivemos a Fernanda Petelinkar, Bacharel em fotografia pelo SENAC falando de fotografia de família, onde apontou que temos que criar a cultura de ensaio fotográfico em família, algo que é visto lá fora nos Estados Unidos como algo costumeiro e que aqui no Brasil pode-se criar esse hábito também, ressaltou ainda que em uma cultura que a cada dia as pessoas tem mais acesso a fotografia através de celulares e afins e gente aparecendo na TV  falando que pra ser fotógrafo basta ter uma câmera na mão. O fotografo tem que buscar aperfeiçoamentos constantes, sem pretensões de exclusivismos, mas para mostrar que a fotografia é arte, é técnica e não um mero clico em um botão. Citou a importância de entender o perfil do seu público, a forma de agir, demonstrando sempre segurança e quando fotografar sempre pensar na montagem do álbum posterior, na história, layout limpo, para uma valorização maior do registro e com tato saber vender o seu produto, onde o cliente tem que entender quem ele contratou e porque o contratou, entende-se assim que em suma ele - o cliente, o contratou  porque acredita no seu trabalho.

A Book2U - estúdio de design gráfico representado pelas sócias Fabiana Pinho e Renata Bitencourt, focado na diagramação de álbuns para fotógrafos. A Renata vem falar destacou a importância do papel do design na fotografia, na criação de produtos elegantes que encantam e emocionam os clientes, onde frisou que os detalhes do álbum são fundamentais onde termos técnicos de diagramação com ênfase no design foi citado como, conceitos de hierarquia e proximidade nas fotos, a repetição de elementos para enfatizar o conceito trabalhado, questões de alinhamento, contrastes em fotos pequenas com fotos estouradas na página e o cuidado na escolha de ornamentos e suas repetições, que segundo elas um ornamento já é o suficiente para não deixar o trabalho pesado. Concluindo com as palavras de Leonardo Da Vince de que "a simplicidade é o ultimo grau de sofisticação."


A tarde o Fred Samarane especialista em Marketing e MBA pela FGV/Ohio University e desde 2005 trabalhando como fotografo profissional veio falar sobre "Formatura Infantis - um novo olhar" entre os pontos frisados por ele destacou a importância do profissional manter um elo de amizade com o cliente, vendendo mais do que o prometido. Como exemplo citou um projeto que ele desenvolve com sua equipe em Belo Horizonte, onde fazem fotos de formatura de crianças. Quando fecham um trabalho com os alunos premiam os professores e a diretora da escola com um fotolivro e isso estreita os laços entre a escola e o profissional, com a possibilidades de novos clientes surgirem, uma boa estratégica de marketing que pode ser adaptada a realidade de cada fotógrafo. Falou também da importância da organização antecipada, falou que faz um checklist anterior ao evento  (no caso dele a formatura) pelo menos uns três meses antes e mantém os dados do(s) cliente(s) atualizados.


Irit Tommasini da Bouquet de Fotos em seguida deu dicas de pós-produção com os programas Lightroom e Photoshop. Tivemos ainda o Bouquet de Fotos, grupo formado por Anna Quast, Célia Thomé, Fabio Laub, Fernanda Scott, Irit Tommasini, Lan Rodrigues, Luciana Cattani e Nellie Solitrenick, que  com a intenção de promover encontros de fotógrafos, abriram seus estúdios recebendo os colegas para discutirem entre se questões do mercado de casamentos. Falaram sobre as dificuldades da fotografia protocolar e ainda em seguida eles com o tema "Na cama com o Bouquet - a fotografia de Boudoir". - Termo francês que define na fotografia o sensual elegante, citaram  um projeto que vem falar da valorização da mulher depois dos 40  e que passaram por situações tensas em suas vidas como o câncer,  a extração da mama por exemplo e como esse conceito de fotografia vem devolvendo a autoestima dessas mulheres pela vida por notarem que elas não deixaram de ser mulheres apenas pelo simples fato de terem enfrentado uma situação complicada como o câncer em um momento de suas vidas. E perdendo o medo de expor um pouco o seu corpo elas acabam percebendo que ainda podem sim se sentirem atraentes e  desejadas. Fechando assim o dia.


 Texto e imagens por Sebá Neto, formado em Produção Audiovisual pela Universidade Paulista.




Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Alem do Olhar - Fotografia. - Powered by Blogger - Traduzido Por: - Templates Para Blogspot