23 novembro 2017

Grupo de fotógrafos lança a Revista 22.

O Bulb f/22 convida todos a prestigiar o lançamento da REVISTA 22.


O grupo Bulb f/22 é formado por fotógrafos que compartilham de um ambiente de discussão e produção de fotografia não comercial.

O grupo, formado por 20 fotógrafos, apresenta nessa primeira edição uma parte do trabalho realizado nesses 3 anos de atividade, trazendo mais uma vez ao público a diversificada produção de seus membros.

A fotografia não deve se submeter somente ao impulso elétrico do sensor digital e ao brilho do pixel no monitor.

Depois de realizar três exposições, chegou a hora de apresentar a primeira edição da Revista 22. O lançamento acontecerá no bar Galeria 540, no dia 25/11 (Sábado) a partir das 18h.

GALERIA 540

Rua Mourato Coelho, 540 - Pinheiros - São Paulo
25/11 (Sábado) a partir das 18h
Entrada Franca.



02 outubro 2017

Exposição: Retratos, Diálogos da Identidade.

Famosos e anônimos registrados pelas lentes de célebres fotógrafos.


O retrato é o gênero dominante na fotografia e tem sido reconfigurado desde os primeiros passos da invenção deste meio de comunicação em 1839. Aqui podemos observar através das lentes dos fotógrafos Martin Parr, Paolo Pellegrin, Elliott Erwitt, Philippe Halsman, Bruce Gilden e Steve McCurry novas provocações, estilos, métodos e tecnologias vigentes para as múltiplas expressões da identidade.


Este grupo de artistas dialoga com uma série de complexas interações entre a psicologia, sociologia, estética, culturas filosóficas e ideológicas, descrevendo o indivíduo e mostrando porque, desde o seu início, a fotografia é um fenômeno de massa.


Philippe Halsman mostra seu famoso ensaio Jump, onde apresenta as personalidades como Grace Kelly, Salvador Dalí, Muhammad Ali, Marilyn Monroe e Jerry Lewis em ação; Bruce Gilden revela imagens nas ruas de Nova Iorque; Martin Parr apresenta seus autorretratos; Elliott Erwitt explora fotos de famílias; Steve McCurry exibe suas clássicas imagens coloridas na Ásia e Paolo Pellegrin expõem as personalidades do cinema como Brad Pitt, Penélope Cruz, Kate Winslet e Leonardo DiCaprio, entre outros.

Exposição: Retratos, Diálogos da Identidade

Curadoria de João Kulcsár

CENTRO CULTURAL FIESP
Galeria de Fotos do SESI-SP
Av. Paulista, 1313
De 3 DE OUTUBRO A 27 DE DEZEMBRO
Diariamente, das 10h às 20h
Gratuito



Fonte: SESI-SP

25 setembro 2017

Semana Fullframe de Fotografia

Escola  de fotografia completa 10 anos e traz programação especial para comemorar.


A Full Frame Escola de Fotografia faz uma programação especial para comemorar seus 10 anos de existência. O projeto da escola foi desenvolvido em 2007. Nesse período mais de 6.000 alunos se formaram nos cursos da escola.Hoje é dirigida por um de seus fundadores, o professor Rodrigo Zugaib, com mais de 15 anos de experiência em salas de aula. Possui três unidades, localizadas nos bairros de Pinheiros e Tatuapé e Santana, São Paulo. 

O evento comemorativo contará com palestras, oficinas, exposições, debate, bate-papo sobre vários temas.

A abertura será com exposição e debate aberto ao público com os fotógrafos do Bulb f/22.

Júnior Ribeiro vai arrasar no tratamento, ao vivo, para quem quiser acompanhar, babar e aprender um pouco mais sobre a forma eficiente e profissional de tratamento de imagem.

Carlos Marien fará uma oficina sobre impressão.

Bate-papo sobre Newborn com Tathiana Gimenez, uma troca de experiências e informações valiosas para quem se interessa pela área.

Todas as atividades gratuitas e vagas limitadas.

Companhem a programação e se inscrevam pelo email: semana@fullframe.com.br.



Semana Fullframe de Fotografia

De 26 de setembro às 19:00 a 30 de setembro às 23:59

FullFrame Escola de Fotografia
Pinheiros: Av. Pedroso de Moraes, 99.
Tatuapé: Rua Dr. Ângelo Vita, 380.
Santana: Avenida Leôncio de Magalhães, 1289
atendimento@fullframe.com.br

http://www.fullframe.com.br

20 setembro 2017

Exposição: Robert Frank: Os Americanos e Os livros e os filmes

A obra de Robert Frank, um dos nomes mais importantes da história da fotografia, será apresentada no novo IMS Paulista.


É a primeira vez que a famosa série Os americanos, do fotógrafo Robert Frank será exibida no Brasil. A coleção, com 83 fotografias em cópias da década de 1980, pertence à coleção da Maison Européenne de la Photographie, de Paris, e é uma das poucas séries completas da obra de Frank. Também será apresentado o projeto Os livros e os filmes, desenvolvido por Robert Frank em parceria com o renomado editor e impressor Gerhard Steidl.

Os americanos é o resultado da jornada de Frank pelos Estados Unidos, em que percorreu quase todos os estados. Fruto de uma bolsa da Guggenheim Fellowship, a viagem de Frank em um velho carro usado durou cerca de nove meses, entre 1955 e 1957, e originou mais de 28 mil fotografias, que se tornaram verdadeiros retratos de uma América multifacetada. No projeto, concebido e construído em intensa interação com o fotógrafo Walker Evans, seu amigo e mentor, o registro dos personagens do país em recortes sociais, econômicos, culturais e políticos distintos deram origem a um livro homônimo, cuja versão brasileira será publicada pelo IMS – em parceria com a célebre editora alemã Steidl.

Em Os americanos, Frank revela plena maturidade artística, desenvolvendo uma síntese de suas inquietações em relação à fotografia e aos limites dela como linguagem. Apesar de ter construído uma representação do país e de seus habitantes na década de 1950, de forte caráter autoral, o projeto teve lenta aceitação nos EUA. Mas, por romper definitivamente com o predomínio da técnica sobre a intuição e a expressão pessoal, aos poucos se tornou um marco divisor da fotografia no século XX. A obra de Frank privilegia experimentação e busca, numa poética própria de engajamento com seus temas, embate profundo com seus próprios sentimentos e permanente questionamento da realidade que o cerca. Em imagens de aparente imperfeição, sombras e áreas com pouca definição favorecem abstração e iconicidade. Com Os americanos, Frank inaugurou a fotografia de rua (street photography) e de estrada, livre de retórica e narrativas estruturadas. Uma ode poética que se tornou modelo e referência para artistas posteriores.


Os livros e os filmes é uma montagem itinerante que une duas facetas de Frank, a de fotógrafo e a de cineasta. Concebida e com curadoria de Gerhard Steidl, em parceria com Frank, a mostra já foi apresentada em diversos países, mas esta será a primeira vez em que poderá ser vista ao lado de uma tiragem original de Os americanos.

Trabalhando com o fotógrafo desde 1989, Steidl, que já publicou 31 títulos de Frank, entre livros e caixas com sua filmografia completa, criou uma série extensa de banners de até três metros de comprimento, impressos a cada edição da mostra em alta qualidade sobre papel de imprensa. Na exposição, as fotografias de 24 livros de Frank foram impressas em sequências de quatro a cinco e instaladas diretamente na parede, sem molduras. Funcionam como efêmeros e impactantes outdoors, emulando livros abertos e expandidos que recobrem as paredes da galeria. Lado a lado com trechos de sua produção em filmes e vídeos, páginas e frames, revelam a intensidade de sua produção, um verdadeiro espaço de imersão que é, a pedido de Frank, destruído e descartado ao final de cada mostra. Afirma-se, assim, a percepção do artista de que sua obra sobrevive plenamente na forma democrática e acessível dos livros de autor e dos filmes que produziu, num diálogo direto e de igual relevância com sua produção fotográfica original, hoje reunida e preservada em importantes museus internacionais, porém cada vez de circulação mais restrita, por sua raridade e valor.

Desde seus primeiros trabalhos, Frank percebeu que o formato de livro fotográfico de autor poderia ser uma ferramenta estrutural para a criação de suas narrativas poéticas e visuais. Essa mesma percepção foi o que o levou posteriormente ao cinema e ao vídeo. Por reunir dimensões essenciais da obra de Frank, como sua obra fotográfica original e a importância que dava à difusão de sua obra em livros e produções audiovisuais, a mostra do IMS é, de certa forma, inédita, e traz, como tema subjacente, as diferentes formas de circulação e impacto da fotografia na cultura.


Com curadoria de Samuel Titan Jr., Sergio Burgi e Gerhard Steidl, Os americanos e Os livros e os filmes formam um belo painel sobre o artista que retratou, compreendeu e expressou em profundidade a América e a geração beat nos anos 1950. Ao mesmo tempo, Robert Frank expandiu as fronteiras da linguagem da fotografia e do cinema na segunda metade do século XX.

Paralelamente, será realizada a mais completa retrospectiva da filmografia de Frank no Brasil. Serão exibidos na própria sala de exposição e no cineauditório do IMS 25 títulos, entre curtas, médias e longas-metragens, a maioria em 35 mm e 16 mm. Entre eles, Pull My Daisy, filme inaugural de Frank, baseado em texto de Jack Kerouac.

Robert Frank: Os Americanos e Os livros e os filmes

IMS Paulista
Avenida Paulista, 2424 - São Paulo/SP
Entrada gratuita
De 20 de setembro a 30 de dezembro de 2017
Horário:  terças a domingos, das 10h às 20h. Às quintas, das 10h às 22h

www.robertfrank.ims.com.br




11 setembro 2017

Workshop: Sua Visão - fotografia como expressão o eu.

Workshop utiliza a fotografia como ferramenta de expressão e autoconhecimento.



Em um workshop de fotografia voltado ao auto conhecimento, a fotógrafa Anacélia Mateucci propõe a interligação entre a fotografia e a arte-terapia, utilizando-as como ferramenta de expressão e autoconhecimento.

Em busca de respostas à algumas das perguntas que afligem o cidadão contemporâneo: Como você está neste momento? Como você vê o mundo ao seu redor? Como você se vê?

Através da arte-terapia o participante irá conhecer este novo olhar. Na Phototherapy trabalha-se o que as fotografias evocam na mente e no coração do observador.

O workshop é composto por duas saídas fotográficas seguidas de vivências de arte-terapia.

Anacélia Mateucci“Quando comecei a estudar fotografia, logo identifiquei que minhas fotos diziam muito de mim e foi aí que conheci a Arte-Terapia e a PhotoTherapy.
Através da fotografia vi que a arte está em todo lugar, em tudo que vemos e vivemos, que ela diz muito a respeito do meio em que vivemos e de mim, para isso basta mudar nosso olhar."

Mateucci é formada em psicologia pela PUC/ SP, Master Coach pela SLAC e Fotografia pela Escola Fullframe, Fotografia Fine Art , pela IIF/SP.

Não é necessário ter conhecimento em fotografia . Smartfone, Iphone, etc serão bem vindos.




Workshop: "Sua Visão- fotografia como expressão o eu."

Local: Espaço Terapêutico Dra. Vivian Hein Hirsch- Cotia/SP.

Valor: R$ 178,50 (incluso 02 fotos e material de arte que será utilizado) que será será doado para Comissão Guarani YVYRUPA - CGY

Antes de fazer a inscrição, importante confirmar o número de vagas disponíveis.

Informações na página do evento

Para maiores informações: anacmateucc@gmail.com

01 setembro 2017

Cursos e oficinas do IMS Paulista

Antecipando a inauguração do novo IMS Paulista, instituto abre inscrições para cursos e oficinas.

Andreas Gursky 99 cents, 1999

Os cursos e oficinas oferecidos pelo IMS Paulista, que será aberto ao público no dia 20 de setembro, são oportunidades para ampliar o pensamento crítico sobre fotografia e experimentar seus diferentes processos e técnicas. De aulas expositivas a imersões no laboratório, haverá atividades tanto para quem busca os primeiros contatos com a prática fotográfica como para os que pretendem desenvolver projetos pessoais, para interessados na história do meio e para pesquisadores procurando arejar seu conhecimento.

Completam a programação rodas de conversa e cursos inspirados em exposições em cartaz ou que tangenciam as outras áreas de atuação do Instituto Moreira Salles – literatura, iconografia, música e cinema. Inscreva-se!

As ementas completas dos cursos e oficinas estão disponíveis em PDF no Blog do IMS.
As matrículas podem ser feitas pelo Eventbrite ou, a partir do dia 20/9, pessoalmente no balcão de atendimento do IMS Paulista. Estudantes, professores e maiores de 60 anos têm 50% de desconto em todos os cursos.

Para mais informações, envie um email para cursos.paulista@ims.com.br.

Destaques da programação:

Cursos

Histórias da fotografia – Parte I
Organização: Miguel Del Castillo e Thyago Nogueira.
3 módulos de 4 aulas

R$ 200 na inscrição para um módulo, R$ 340 na inscrição para dois módulos, R$ 480 na inscrição para os três


1: A fotografia através da arte
Com Agnaldo Farias. 26 de setembro e 3, 10 e 17 de outubro (terças, das 19h às 21h)

2: A fotografia através das exposições
Com Helouise Costa. 24 e 31 de outubro e 7 e 14 de novembro (terças, das 19h às 21h)

3: A fotografia através da imprensa
Com Dorrit Harazim. 21 e 28 de novembro e 5 e 12 de dezembro (terças, das 19h às 21h)

Fotografia: Princípios
Com Celina Yamauchi.
De 28 de setembro a 14 de dezembro, exceto feriados (quintas, das 19h às 21h30)
12 aulas, R$ 480

Uma introdução ao universo da fotografia para interessados em conhecer seus princípios conceituais e técnicos.

Os participantes devem trazer uma câmera analógica ou digital que permita ajustes manuais.

Haverá duas aulas aos domingos, dias 12 e 26 de novembro, das 14h30 às 17h.

Aleksandr Ródtchenko/Moscow House of Photography Museum- Sem título, 1933
Arte e revolução russa
com Ronaldo Brito, Arlete Cavaliere, Marcos Napolitano, Annateresa Fabris, Bruno Gomide e Irineu Franco Perpetuo
4, 11, 18 e 25 de outubro e 1 e 8 de novembro (quartas, das 19h às 21h)
6 aulas, R$ 300


Robert Frank e os beats: diálogos
com Patrícia Mourão, Cadão Volpato, Lorenzo Mammì e Tiago Mesquita*
19 e 26 de outubro e 9 e 16 de novembro (quintas, das 19h às 21h)
4 aulas, R$ 200

Oficinas

Instrumentos ópticos na arte ocidental
com Fábio D’Almeida.
3, 4 e 5 de outubro (terça a quinta, das 16h30 às 19h).
3 encontros, R$ 150

O ensaio visual em livro
com João Luiz Musa.
4, 11, 18 e 25 de outubro e 1 de novembro (quartas, das 19h às 21h30).
5 encontros, R$ 250

Experimentações no laboratório
Domingos, das 11h às 12h30
Atividade gratuita, lugares limitados; distribuição de senhas 30 minutos antes

O IMS abre seu laboratório para que o público se engaje em atividades fotográficas experimentais relacionadas a uma técnica ou ao procedimento de obtenção de imagens.

8 de outubro Fotograma

12 de novembro Contraste

10 de dezembro Negativo/positivo

Arquivo e barbárie
Com Coletivo Garapa.
24, 25 e 26 de outubro (terça a quinta, das 16h30 às 19h).
3 encontros, R$ 150


#aovivo
com Mídia Ninja.
4, 11 e 25 de novembro (sábados, das 14h30 às 17h)
Atividade gratuita, lugares limitados; distribuição de senhas 30 minutos antes


A velocidade das coisas
com Letícia Ramos.
14, 15 e 16 de novembro (terça a quinta, das 16h30 às 19h).
3 encontros, R$ 150


A cidade como percurso e imagem
com Tuca Vieira.
2 e 3 de dezembro (sábado e domingo, das 14h30 às 17h30).
2 encontros, R$ 100

Rodas de conversa

O artista em processo

Sábados, das 11h às 12h30.
Atividade gratuita, lugares limitados; distribuição de senhas 30 minutos antes

Uma conversa aberta com um artista sobre sua obra, sua linha de pesquisa e seu processo criativo.

7 de outubro: Mauro Restiffe e o arquivo pessoal analógico

11 de novembro:  Helena Martins-Costa e a memória fotográfica


Fotolivro de cabeceira

Sábados, das 11h às 12h30.
Atividade gratuita, lugares limitados; distribuição de senhas 30 minutos antes

Artistas, críticos e curadores conversam com o público sobre seu fotolivro favorito ou aquele que não tem saído de suas cabeceiras, explicando por quê.

21 de outubro: Rosângela Rennó — I’m So Happy, de Marvin Heiferman e Carole Kismaric

25 de novembro: Iatã Cannabrava — Sugar Paper Theories, de Jack Latham

9 de dezembro: João Luiz Musa — Os americanos, de Robert Frank

Programação completa no Blog do IMS.


Matriculas nos cursos Eventbrite


Fonte: Blog IMS

O futuro IMS Paulista

IMS Paulista, o novo centro cultural, abrigará todas as atividades organizadas pelo instituto na cidade.


Realizando uma antiga aspiração e consolidando sua presença em São Paulo, o mais importante cenário cultural do Brasil, o Instituto Moreira Salles inaugura em 20 de setembro de 2017, uma quarta-feira, um novo endereço: Avenida Paulista, 2424.

Serão sete andares, todos com pé-direito duplo, em um projeto realizado a partir de conceitos sustentáveis. Para o arquiteto Marcelo Henneberg Morettin, um dos maiores desafios foi resolver um museu vertical. Uma das soluções encontradas foi transpor para o quarto pavimento o ambiente de entrada e convívio do centro cultural, a Praça IMS, acessível diretamente a partir do vão livre do térreo por escadas rolantes.

Além das áreas para exposições, com mais de 1200 metros quadrados, o IMS Paulista contará também com um cineteatro – onde acontecerão mostras de filmes, eventos musicais, seminários e debates –, uma biblioteca, salas de aula, uma loja/livraria e um café-restaurante.


Segundo Flavio Pinheiro, superintendente-executivo do instituto, quem for ao IMS Paulista sempre poderá visitar uma exposição relacionada ao acervo do instituto, “o que não acontecia antes”. Além de exposições, mostras de cinema, palestras, cursos e shows, o novo centro cultural também sediará eventos como o Festival ZUM e o Festival serrote, cuja primeira edição está prevista para 2018, além de participar das celebrações dos já tradicionais Dia D – Dia Drummond e Hora de Clarice.

A biblioteca do IMS Paulista, coordenada por Miguel Del Castillo, terá como foco único a fotografia, em uma iniciativa pioneira. De livre acesso ao público, com capacidade para abrigar até 30 mil itens, a biblioteca já nasce robusta. Na inauguração estarão disponíveis cerca de 10 mil itens, entre o acervo geral e as coleções especiais, como a biblioteca do fotógrafo Thomaz Farkas. Além de atender a pesquisadores e ao público interessado, a biblioteca promoverá cursos livres relacionados às áreas de atuação do IMS, com ênfase na fotografia.

Marcando o interesse da instituição em todo o universo da arte contemporânea, a nova sede será inaugurada com a videoinstalação The Clock, de Christian Marclay, vencedora do Leão de Ouro na Bienal de Veneza em 2011. O trabalho ficará dois meses em cartaz no horário de funcionamento do centro cultural, sendo que uma vez por semana terá projeção de 24 horas de duração.

Para comandar IMS por Travessa, a loja do IMS Paulista, o instituto firmou parceria com a Livraria da Travessa, referência cultural no Rio de Janeiro. A loja será integrada ao ambiente da Praça IMS, no quarto pavimento do novo prédio, e terá como foco, além das publicações do instituto, obras nacionais e importadas sobre fotografia. O térreo do IMS Paulista abrigará o restaurante Balaio, capitaneado pelo chef Rodrigo Oliveira, dos restaurantes Mocotó e Esquina Mocotó. Na Praça IMS, o café Balaio terá como carro-chefe o café da manhã artesanal, com influências de todas as regiões brasileiras.


Instituto Moreira Sales


Avenida Paulista, 2424
 São Paulo, SP
Abertura em 20/9/2017

Fonte: IMS

23 agosto 2017

Panorama da fotografia contemporânea é tema da 11ª SP-Arte/Foto

Debates, lançamentos de fotolivros e visitas guiadas àqueles que desejam conhecer a linguagem a fundo fazem parte da programação 

João Machado - DOC Galeria

A 11ª SP-Arte/Foto, que ocorre no JK Iguatemi de 24 a 27 de agosto, com um preview no dia 23, reúne em um só local as principais galerias do país ligadas ao fazer fotográfico, com obras de alguns
dos mais importantes artistas da contemporaneidade brasileira e mundial. O evento, pretende ainda ampliar o conhecimento daqueles que se interessam pela linguagem.

A edição deste ano da Feira promove uma ampla programação, que contempla uma série de palestras com curadores e especialistas para o debate das perspectivas da fotografia contemporânea no Brasil e no mundo e abriga o lançamento de 20 livros voltados à fotografia.

VISITAS GUIADAS

Pela primeira vez e gratuitamente, a SP-Arte/Foto oferece ao público visitas guiadas com os temas fotografia moderna, contemporânea, documental e fotojornalismo, fotografia expandida e a cidade e a arquitetura na fotografia. Estreitar os laços entre os trabalhos expostos e os visitantes do evento, com foco final em formar público apreciador de fotografia, move a iniciativa, oferecida pela Vivo.

Os seis circuitos se alternarão em nove visitas diárias, com partidas a cada 30 minutos, sempre das 14h30 às 18h30. Para participar, os interessados deverão se inscrever no balcão de visitas guiadas (2o piso da Feira).

TALKS

Realizada neste ano com patrocínio da Fundação Marcos Amaro, a 4ª edição do Talks ocorre nos dias 24 e 25 de agosto, das 16h30 às 18h30, no Lounge One do JK Iguatemi. As inscrições são gratuitas e o público deve chegar com 30 minutos de antecedência para a retirada de senha. As vagas são limitadas e haverá tradução simultânea do inglês para o português.

Na quinta-feira, 24, Fernanda Feitosa, colecionadora, fundadora e diretora da SP-Arte/Foto, conversa com Artur Walther, colecionador e fundador do The Walther Collection, museu dedicado à promoção da fotografia, com unidades em Neu-Ulm, na Alemanha, e em Nova York, nos Estados Unidos. A perspectiva antropológica da fotografia e a motivação em tornar pública uma coleção particular são alguns dos pontos que serão abordados durante a conversa.

No mesmo dia, a jornalista e crítica de fotografia Simonetta Persichetti conversa sobre os desafios da cena contemporânea com Michael Famighetti, editor da Aperture, revista americana especializada em foto, fundada em 1952.

Na sexta, 25, Paulo Miyada, curador do Instituto Tomie Ohtake, guia um bate-papo com Simon Baker, curador de fotografia da Tate, de Londres. Chefe do departamento de fotografia do museu desde 2009, quando foi criado, Baker é também responsável pela estratégia de expansão do acervo de fotografia da instituição. Na SP-Arte/Foto, comenta o seu papel enquanto curador de um dos centros de arte mais importantes no mundo e reflete sobre a função dos museus na atualidade.

LANÇAMENTOS

A 11ª edição da SP-Arte/Foto conta ainda com lançamentos coletivos e assinaturas de fotolivros, a maior parte deles concentrados no espaço da Editora Madalena. Os lançamentos e as sessões de autógrafos se dividem entre os dias 25 e 26 de agosto, no espaço da Feira, no shopping JK Iguatemi.

Entre os destaques, estão os ensaios Linha Vermelha, de Inês Bonduki, fotógrafa que articula dois ensaios fotográficos de realidades aparentemente distantes, destacando a proximidade dos corpos neste trabalho (dia 26, às 18h); Serra da Ermida 357, de Daniela de Moraes, que aborda questões sobre vida e morte, tragicidade e afetividade, em um projeto que se desdobra em uma trilogia formatada em livro (dia 25, às 19h); e Marrocos, registro documental de uma das maiores ocupações sem-teto de São Paulo, realizado pelos fotógrafos Gabi Di Bella e Gui Christ, do coletivo Gringo, ao longo de 2016 (dia 26, às 16h). Além de títulos como Missão Francesa, de André Penteado; Farsa Truque Ilusões, de Joaquim Paiva; e Ilha do Ferro, de Celso Brandão.

Paralelamente à Feira, a Galeria Luciana Brito lança Sobras, de Geraldo de Barros, que traz um tributo histórico à trajetória do artista e, ainda, um registro de sua última série fotográfica (dia 25, às 11h, na própria galeria). No JK, no estande da Dan Galeria, o fotógrafo Christian Cravo autografa seu livro recém-lançado, Luz e Sombra, que retrata uma África monumental, resultado de uma imersão do artista por sete países africanos ao longo dos últimos anos (dia 26, às 18h).

Jorge Bodanzky - Editora e Livraria Madalena

PROGRAMAÇÃO PELA CIDADE

Pela primeira vez, o evento firma parcerias com galerias, instituições culturais e ateliês e abraça a programação paralela voltada à celebração da fotografia – fio condutor da movimentação cultural da cidade entre os dias 17 e 27 de agosto.

Destaques de programação:

Escambo de fotolivros + Livrotecagem

No dia 22, terça-feira, a galeria Vermelho promove uma atividade, realizada pela SP-Arte, que combinará o escambo de livros de fotografias e uma livrotecagem – projeto idealizado e organizado por Denise Gadelha – que ganha forma em uma projeção de vídeo concebida a partir de uma espécie de mixtape de fotolivros e músicas previamente selecionados por fotógrafos, artistas e entusiastas da fotografia. Quanto ao escambo, basta levar um fotolivro para passar adiante e trocar por uma das opções disponíveis no local, numa grande mesa. A publicação deve ser necessariamente ligada à fotografia e estar em bom estado. Cada livro levado dará direito a uma unidade na troca. A SP-Arte vai disponibilizar alguns fotolivros, inclusive os que restarem na mesa do escambo serão doados à Biblioteca Mário de Andrade, em São Paulo.

Aberturas

Nos dias que antecedem a Feira, galerias e centros culturais inauguram exposições de fotografia.
Entre elas, Poder e sufocamento, parte da coleção da Fundação Marcos Amaro, no Museu da Imagem e do Som (dia 15, às 19h); Breu, do fotógrafo japonês radicado na Bahia Hirosuke Kitamura, na DOC Galeria (dia 18, às 19h30); Campos de Altitude, de Kitty Paranaguá, na Janaina Torres Galeria (dia 22h, às 19h); e Plethora, de Julio Bittencourt, na Galeria Lume (dia 22h, às 19h).

Circuito de ateliês

Nino Cais, Marcelo Amorim, Carla Chaim, Julia Kater, Ding Musa e Ivan Padovani abrem seus ateliês para o público em meio à programação da SP-Arte/Foto/2017, em um circuito que integra quatro espaços artísticos. No dia 26 de agosto, sábado, os artistas recebem entusiastas da arte em seus postos de criação, todos na Vila Madalena, o que inclusive possibilita um agradável passeio a pé. Os artistas se dividem entre os ateliês coletivos Fonte, SAO, Fidalga e Hermes, cujas portas estarão abertas ao público das 17h às 21h.

Visitas guiadas

Com o intuito de movimentar ainda mais o universo em torno da fotografia na cidade de São Paulo, algumas das galerias que participam da SP-Arte/Foto/2017 realizam em seus espaços visitas guiadas às exposições que abrigam, com artistas e curadores. Na Mario Cohen Galeria, por exemplo, ocorre uma visita à mostra Norman Parkinson – O verdadeiro glamour britânico (dia 22, às 19h). Já o fotógrafo Julio Bittencourt guia o público por Plethora, sua mostra individual na Galeria Lume (dia 26, às 11h).

Estúdio Madalena

Em parceria com a SP-Arte, o Estúdio Madalena promove, no dia 24, uma conversa com Simon Baker, curador de fotografia da Tate que também palestra no Talks, no Lounge One do JK Iguatemi, no dia seguinte. Com vagas limitadas, as inscrições para a conversa no centro de estudos da editora deve ser feita com antecedência, pelo e-mail contato@madalenacei.com.br.

No dia 25, o Estúdio realiza ainda o workshop “Bússola Fotográfica: Protocolo para Plataformas Internacionais de Leitura de Portfólio”. Realizada na sede do espaço, a iniciativa integra a programação da SP-Arte/Foto/2017 e é voltada a fotógrafos com interesse em entender a fundo o mundo de leitura de portfólio dos festivais.

Ministrado por Carlos Carvalho, coordenador geral do FestFoto – Festival Internacional de Fotografia de Porto Alegre, o workshop contará ainda com apresentação de Fernanda Feitosa, diretora da SP-Arte, e participação de Eugênio Sávio, do Festival de Fotografia de Tiradentes, e Iatã Cannabrava, do Estúdio Madalena. As inscrições devem ser feitas até dia 24 de agosto, neste link, ao custo de R$ 250.


Veja aqui a programação completa da SP-Arte/Foto/2017

Mario Cravo Neto - Instituto Mário Cravo Neto

SP-Arte/Foto/2017

Aberta ao público de quinta a sábado (24, 25 e 26 de agosto), das 14h às 21h, e no domingo, 27 de agosto, das 14h às 20h
Shopping JK Iguatemi | 3º piso
Av. Presidente Juscelino Kubitschek, 2041 – Vila Olímpia, São Paulo, Brasil

Talks

Local: JK Iguatemi, Lounge One (3º piso)
Inscrição: Gratuita, com retirada de senhas 30 minutos antes do início do debate

25 de agosto, das 16h30 às 18h30
Artur Walther, colecionador e fundador da The Walther Collection, com Fernanda Feitosa

Michael Famighetti, editor da revista Aperture, com Simonetta Persichetti

26 de agosto, das 16h30 às 18h30
Simon Baker, curador de fotografia da Tate, com Paulo Miyada, curador do Instituto Tomie Ohtake

Fonte: SP-Arte

28 julho 2017

SP-Arte/Foto chega à 11ª edição

Objetivo é estreitar ainda mais os laços com os entusiastas de fotografia.

Claudio Edinger - Arte 57

Importante linguagem da arte contemporânea, a fotografia ganha protagonismo em agosto, mês que
abriga o Dia Mundial da Fotografia, festejado anualmente no dia 19. Em São Paulo, a data tem sido
celebrada profundamente, isso porque, desde 2007, a cidade abriga o principal evento de fotografia docircuito brasileiro, a SP-Arte/Foto.

A 11ª edição do evento será realizada no JK Iguatemi, entre os dias 23 e 27 de agosto, reunindo em um só local as principais galerias do país, com obras de alguns dos mais importantes fotógrafos da contemporaneidade brasileira e mundial.

Em 2017, a Feira traz 32 galerias, entre as quais as estreantes DOC Galeria e Janaina Torres, ambas de SãoPaulo, Inox, do Rio de Janeiro e Periscópio, de Belo Horizonte. Retornam ao evento Mario Cohen, Gávea, Luciana Brito, Vermelho, Pinakotheke, Casa Triângulo, Lume, Portas Vilaseca, entre outras galerias fundamentais.

“A SP-Arte/Foto vem aos poucos se consolidando como o mais importante evento dedicado ao trabalho fotográfico no Brasil, em torno do qual tem surgido, de modo orgânico até, uma série de eventos e mostras que têm esse campo da arte como protagonista”, pontua Fernanda Feitosa, fundadora e diretora da SP-Arte/Foto. “Ao longo das últimas edições pudemos perceber um crescente interesse dos visitantes, que buscam mais e mais conhecer as plataformas de criação, seus artistas, navegar por esse universo, enfim”, completa.

André Severo - Bolsa de Arte

Pensando nesse público que procura conhecimento mais sólido em fotografia, a edição deste ano
oferecerá, pela primeira vez e gratuitamente, visitas guiadas, que têm como objetivo justamente estreitar os laços entre os trabalhos expostos e os visitantes do evento. Além disso, vão ocorrer lançamentos coletivos de fotolivros no espaço da Editora Madalena, com a presença de fotógrafos renomados, aproximando assim os artistas de seus admiradores.

A SP-Arte/Foto apresenta ainda mais uma edição do ciclo de palestras Talks, no Lounge One do Shopping JK Iguatemi. Nos dias 24, 25 e 27 (quinta, sexta e domingo), colecionadores, críticos, curadores e especialistas discutirão junto ao público as perspectivas da fotografia contemporânea no Brasil e no mundo.

Como em suas edições anteriores, a Feira volta a expandir seus limites e renovar sua experiência com o público por meio de diferentes iniciativas, onde a fotografia moderna e contemporânea ocupam posição central.

Claudia Jaguaribe - Casa Nova

SP-Arte/Foto2017

Preview: 23 de agosto (apenas para convidados)
Aberta ao público quinta a sábado (24, 25 e 26 de agosto), das 14h às 21h, e no domingo, 27 de agosto, das 14h às 20h
Shopping JK Iguatemi | 3º piso
Av. Presidente Juscelino Kubitschek, 2041 – Vila Olímpia, São Paulo, Brasil
Entrada gratuita

Fonte: SP-Arte

24 julho 2017

Congresso Photo Inspiration

 Acontece em Outubro, em São Paulo, o primeiro Congresso Internacional de Fotografia Artística.


Nos dias 24 e 25 de Outubro de 2017, o IIF, em colaboração com a artista visual Danny Bittencourt, diretora da Escola de Fotografia Artística, o promove o primeiro congresso internacional de fotografia artística, o Photo Inspiration.

Esse Congresso trará nove palestrantes que abordarão os mais diversos temas sobre fotografia como arte e fine art. O objetivo do evento é promover o debate a troca de conhecimento e experiência entre os profissionais da área. Contaremos com a presença dos fotógrafos: Dennis Ramos, Marcos Varanda, Jacqueline Hoofendy, Caroline Paternostro, Guy Veloso, Gui Mohallem, Magdalena Berny e mais dois palestrantes que serão confirmados em breve. E a própria Danny Bittencourt será a mestre de cerimônia.

O Photo Inspiration foi criado a partir da vontade de expandir a discussão no âmbito da fotografia como forma artística e colocá-la em um lugar mais comum e acessível. Buscamos estabelecer um paralelo entre conhecidos segmentos da fotografia como o fotojornalismo, fotografia documental, paisagem, arquitetura e retrato como linguagem para um campo de expressão autoral.

O evento será transmitido ao vivo pela internet para aqueles que não tiverem disponibilidade de participar presencialmente.


PALESTRAS:

24/10- terça-feira :
Gui Mohallem: Na direção do medo: Processo criativo na fotografia artística
Marcos Varanda: Fotografia, galeria e mercado: Inserção e desenvolvimento do artista
Jacqueline Hoofendy: Autorretrato e potências poéticas

25/10- quarta-feira:
Guy Veloso: Entre arte e documentação
Caroline Paternostro: O sensível na área de evento
Dennis Ramos: Arquitetura e Paisagem Fine Art: Da concepção à execução da ideia
Magdalena Berny: Simplicidade e magia no retrato de criança


Congresso  Photo Inspiration

Primeiro Congresso Internacional de Fotografia Artística
Teatro Gazeta
Av. Paulista, 900 - Bela Vista, São Paulo - SP
24 e 25 de Outubro de 2017
Informações: (11) 3021-333
photoinspiration.com.br


11 julho 2017

Interfoto Itu 2017

Festival de fotografia chega a sua 4ª edição com workshops práticos e muita fotografia boa. 

Idealizado pelo fotógrafo Flávio Torres, com o apoio da ARFOC-SP (Associação de Repórteres Fotográficos e Cinematográficos do Estado de São Paulo), o Interfoto teve sua primeira edição, realizada entre 22 e 30 de agosto de 2014.

O InterFoto que em 2017 está em sua quarta edição tem como missão expandir o diálogo da produção fotográfica brasileira em um grande pólo comercial e cultural, o interior paulista.

Um dos destaques do evento deste ano é o início das comemorações dos 50 anos de carreira do fotógrafo brasileiro Araquém Alcantara com uma grande exposição de suas obras.

O Festival acontece entre os dias 12 e 16 de julho na charmosa cidade de Itu-SP, localizada a 90 km da capital paulista, os eventos estarão espalhados pela cidades, mas as principais atividades se concentram na Fábrica São Luiz, que funcionou por 100 anos, se tornando após seu tombamento pelo Patrimônio Histórico, em um grande complexo cultural e turístico para eventos e encontros.

A programação oficial do evento conta com 17 exposições, além de 16 eventos diversosentre palestras, oficinas, workshops, bate papos e muito mais. O principal dia do festival acontecerá no sábado dia 15 de julho, onde a organização concentrou 9 eventos.


Entre os nomes participantes do evento estão: Sergio Roberg, Paula Pedrosa, Bella Tozini, Filipe Britto, Rodrigo Zugaib, João Rosa, Carlos Nascimento, Fotografos Saltenses, Varalizando, Alexandre Keese, Renata Guarnieri, Estefania Gavina, Edeson Souza, Grupo Imagem, Carlos Rincón, Érico Hiller, Ivam Grambeck, Paulo Kawall, Ana Almeida, Foto Clube Bulb f/22, Marcos Araújo, Paulo Frederico.

Festival Intrerfoto Itu 2017

Fábrica São Luiz

Endereço: Rua Paula Souza, 492  - Centro, Itu (SP)

Veja a programação completa no site oficial do evento

De 12 a 16 de julho, no eixo histórico da cidade de ITU/SP

Abertura dia 12 de julho Quarta, as 19h00 Local: Fábrica São Luiz

Fonte: Interfoto Itu


 
Copyright © 2014 Alem do Olhar - Fotografia. - Powered by Blogger - Traduzido Por: - Templates Para Blogspot